sábado, 13 de fevereiro de 2010

NO CARNAVAL CIDADE DE CARUARU NO AGRESTE PERNAMBUCANO VIRA "CAPITAL DA FÉ"


Carnaval religioso em Caruaru começa neste sábado


Evento acontece de 13 a 16 de fevereiro, no Espaço Cultural e vai reunir diversas religiões


Fernandino Neto


Terá início neste sábado (13) a programação religiosa elaborada pela Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru para o período carnavalesco. O grande retiro ecumênico chega a sua segunda edição com o objetivo de transformar Caruaru na Capital da Fé e na terra dos retiros de carnaval durante as comemorações momescas. O evento prossegue até a terça-feira (16) e acontece no Espaço Cultural Tancredo Neves, com participação das igrejas evangélicas, católicas e do movimento espírita caruaruense.


De acordo com o presidente da Fundação de Cultura, José Pereira de Souza, o carnaval religioso é a opção mais viável para a cidade neste momento, uma vez que a tradição da folia de rua deixou de ser mantida no município. "Estamos plantando uma nova semente em Caruaru no período momesco. Há muitos anos, a cidade teve o seu carnaval forte mas o evento foi se diluindo e as pessoas preferindo ir para o litoral. Tentamos resgatá-lo em outras gestões, trazendo, inclusive, o Galo da Madrugada e outros blocos da capital, mas não deu certo", recorda.


Segundo ele, no ano passado foi realizada uma pesquisa e boa parte da população apontou que as três maiores festas de Caruaru acontecem durante a Semana Santa, no São João e no Natal. A ideia de transformar Caruaru na Capital da Fé, no entanto, veio de Campina Grande. "Viajei a Fortaleza, Garanhuns e Campina Grande para conferir o que essas cidades promoviam nesta época do ano. Em Campina, há quase 10 anos existe o encontro ecumênico que praticamente lota toda rede hoteleira. Aqui esperamos uma boa média de ocupação, que pode chegar a 70%", afirma.


Outra novidade é a extensão do evento religioso para o mês junino. "Queremos incluir a Capital da Fé na Capital do Forró", sugeriu Pereira. A proposta é trazer a população religiosa ao Parque de Eventos Luiz Gonzaga em dias cuja programação seja voltada especificamente para este público. A ideia foi aprovada por Edilene Leandro, do movimento espírita de Caruaru. "Poderíamos usar a Quarta-feira de Cinzas, por exemplo, e fazermos um grande encontro com todas as religiões, já que cada uma se reúne de forma isolada", apontou.


PROGRAMAÇÃO


O encontro ecumênico vai reunir este ano diversas comunidades religiosas de Caruaru, entre elas as católicas Manain, Restauração, Obra de Maria, Resgate, Sagrado Coração de Maria e Jesus Misericordioso, além dos grupos de oração Resgatados em Cristo e Nascer do Espírito (São Miguel). O movimento espírita realizará dentro da programação o Seminário Espírita do Agreste, que acontece entre os dias 14 e 16 de fevereiro, das 14h às 18h, cujo tema é reencarnação. O evento acontece na sede da AME (Associação Municipal Espírita), na rua Professor José Leão, Maurício de Nassau.


Já a igreja evangélica estará representada, entre outros, pelo grupo dos Gideões - missionários da última hora, que promove neste período o 1º Congresso de Missões da Assembleia de Deus em Caruaru. O evento acontece de 13 a 15 de fevereiro no Espaço Cultural e trará para a cidade um grupo de cerca de 4 mil pessoas. "Os Gideões fazem um trabalho de evangelização e missão visando ao crescimento espiritual. Nossa sede está localizada em Camboriú (SC) e esta é uma forma de darmos ao povo evangélico a oportunidade de participar do nosso congresso", destaca Elizabete Dantas, representante dos Gideões. Outras informações sobre o evento podem ser obtidas pelos telefones: (81) 3721-3285 / 3721-4679.


Fonte: Jornal Vanguarda

Nenhum comentário: